fevereiro 16, 2010


Sou cigana, sim!

Sou mulher cigana !
caminhante das estradas de infindas
paisagens... lindas...liberdade, lua,
nossos caminhos... de flores
e espinhos ...

Sou cigana!
No meu peito mora alguem
que me ama tambem, na grandeza
dos sentimentos mais puros

nas linhas da tua mão vejo
um mundo maravilhoso
que nos cerca e nos protege
nos apuros

Sou cigana!
amo a lua, a liberdade das ruas
a minha aldeia entre os muros do céu
o véu da minha saudade que é tua

Meu cigano!
vamos seguir, os laços que nos prendem
respeitando acima de tudo nossas leis
nosso povo...nosso amor maior,

que em cada acampamento, nos leva unidos
para sempre, faça chuva ou sol
teus braços fortes me protegem
de todo mal



Madalena Gitana

Nenhum comentário:

Postar um comentário